Menu de navegação+

Alumínio 6061 ou 7005? Qual é o melhor?

Publicado em 2-Set-2012

Essa sempre foi uma discussão controversa. Qual a melhor liga de alumínio para um quadro de bicicletas? Sabemos que as mais importantes são duas, a 6061 e a 7005, que abrangem cerca de 85% do mercado de bicicletas.

35

Em primeiro lugar é bom salientar que a diferença mais importante entre as séries são os componentes com os quais se liga o alumínio. Cada série utiliza um elemento diferente. Por exemplo, o 7005 utiliza o Zinco. Dependendo do elemento utilizado na liga o metal terá características diferentes.

Também é importante destacar que a qualidade de um quadro não depende exclusivamente da série utilizada em seus tubos (7005 ou 6061), mas também de muitos outros tratamentos que podem ser feitos neles. Podemos citar como exemplo o biconificado das series 7000 ou o tratamento T6 das 6000, usinados, etc. Aqui é onde as marcas mais se diferenciam.

Mas vamos ao que interessa: Qual é melhor?

Atualmente nem os fabricantes estão de acordo sobre qual série é mais indicada para um quadro de bicicleta. O próprio mercado exerce influência: quando
Em geral o alumínio da série 7005 é mais fácil de se tratar e de fabricar. Em todos os aspectos, hidroformados, conificados, tratamentos térmicos, etc. há muitas bicicletas de 6061, o 7005 é mais exclusivo. E atualmente é o contrário.

É significativamente mais flexível que o 6061, o que o torna muito adequado para alguns tipos de bicicletas. Como aspecto negativo, ao ser mais elástico, sofre mais fadiga.

Muito se diz sobre o alumínio 7005 ser mais forte que o 6061. Na prática não é realmente assim. O que ocorre é que o 6061 necessita mais tratamentos para se igualar ao 7005. Se não recebe todos os tratamentos que necessita, obviamente terá sua qualidade reduzida.

O alumínio 6061, se for fabricado corretamente, é mais duro e resistente (são conceitos diferentes) que o 7005, mas não é tão flexível e pode chegar a ser um pouco mais pesado que o 7005. Portanto, se você comparar, no caso de um quadro 6061 que pesa o mesmo que um 7005 com os mesmos reforços, provavelmente o 6061 é melhor. Vale salientar também que a qualidade de um quadro se mede, além do dito anteriormente sobre os tubos, pelas soldagens, e também é fácil de identificar quando estão muito refinadas e quando não.
Outro dado: o peso específico de ambas séries é praticamente o mesmo, por isso o 6061 pode ser a melhor escolha no caso de igualdade de peso e quantidade de material. Todas estas variáveis tornam muito difícil saber se é melhor um quadro de 6061 ou de 7005.

Também há algo a se considerar: as marcas de bicicletas mais “elitistas” (por exemplo as “hand made”), costumam utilizar sempre o alumínio 6061. Esse é um dado importante. No entanto, para que que se veja como as duas séries podem ser de qualidade, dependendo dos tratamentos, podemos considerar um exemplo muito ilustrativo:

Cannondale, Intense, Orange, etc utilizam 6061 em todos os seus modelos (feitos a mão). No entanto, é justo dizer que a Rocky Mountain, outra marca artesanal, utiliza o 7005. Portanto, este tema não é todo preto ou branco, há muitos cinzas.

Em síntese, devemos ter em conta que para se conhecer a qualidade de um quadro não basta olharmos os numerozinhos da liga. A única referência real que temos é o prestígio de cada marca ou fabricante de quadros. Ou seja, dois quadros fabricados com o mesmo tipo de liga e inclusive com tubos do mesmo fabricante podem ter qualidades muito diferentes e, portanto, preços muito diferentes.